EnglishSpanishPortuguese

Fenarreco

,

Uma das festas típicas mais procuradas da região de Santa Catarina tem início no dia 6 de outubro, no Pavilhão de Eventos Maria Celina Vidotto Imhof, em Brusque. A Fenarreco –  Festa Nacional do Marreco, começou em 1985 e foi inspirada pela Oktoberfest, que acontece anualmente na cidade vizinha, Blumenau. A ideia era atender a grande quantidade de turistas que procuravam pela carne de pato.

Esta foi a carne que tornou-se tradicional quando os clubes regionais adotaram o marreco como uma das opções gastronômicas para serem servidas nas festas e eventos sociais que realizavam. Esse já era um costume dos imigrantes alemães, que colonizaram a região. O ganso é a principal refeição natalina no continente europeu, e essa tradição não poderia morrer. Mas houve um problema no começo, não haviam gansos no Brasil durante o século XIX, por isso foram substituídos por patos selvagens, em depois pelo pato de pequim, para nível de curiosidade o marreco é a denominação utilizada ao pato de pequim.

cozinha regional e seu toque especial criou uma refeição inigualável, o marreco passou a ser muito procurado e desejado por moradores e turistas que visitavam a região para provar a especiaria. A propaganda foi tanta que foi necessário criar um evento para conter a fama da refeição. Uma ideia foi criada em 1985 pela Secretaria de Turismo de Brusque, mas a cidade estava vivendo uma enorme crise financeira e física, a cidade sofria com a enorme destruição de uma enchente. Assim a ideia ficou engavetada, porém nunca esquecida.

A cidade pequena não possui locais que abrigassem uma festa típica, que prometia grande movimentação. Mas de toda forma o evento foi realizado no Clube de Caça e Tiro Araújo Brusque, em 1986. Mesmo com pouco mais de 50 mil habitantes a festa foi um sucesso, e divulgada em  âmbito nacional. A 1º Fenarreco nascia no Brasil.

Inicialmente a Fenarreco foi criada como para ser um evento realizado durante o dia, onde famílias e amigos pudessem almoçar e jantar e depois seguir para a vizinha, Blumenau, onde a Oktoberfest estaria acontecendo, com suas noites agitadas e divertidas. Mas logo na primeira noite do primeiro dia, a Fenarreco tomou outro rumo, graças aos participantes animados com a tradição que estava apenas começando na região.

No início a Fenarreco passou por problemas de logística, como a festa era nova na região alguns cálculos acabaram saindo errado, como a quantidade de cerveja e marreco. A verdade é que a festa foi tão boa e o consumo tão alto que a quantidade organizada para a festa não deu conta, os estoques secaram quase que no primeiro dia. Para se ter uma noção a quantidade de marreco estocado para a festa era de 800 aves, que resultariam em 1.600 refeições. Mas apenas o jantar do primeiro dia acabou com o estoque. Isso em 1986 onde a tecnologia que conhecemos hoje não existia.

Mas a cidade estava muito unida para deixar o sonho dessa grande festa acabar sem nem ter começado de verdade, por isso voluntários se mobilizaram e nos fornos de diversas padarias assaram os marrecos, que não poderiam ser preparados no local inicial, por causa da falta de estrutura e da grande quantidade de produção. A polícia militar participou ativamente sendo a responsável pelo transporte da carne assada, eles se comunicavam por meio dos rádios das viaturas.

Foi do esforço e dedicação do povo brusquense que nasceu a Fenarreco, uma festa típica alemã que conquista o coração de todos que visitam e provam as deliciosas especiarias, e ainda podem se divertir com a quantidade de outras atrações que completam o evento.

Habilidades

Postado em

6 de fevereiro de 2020

Enviar Comentário

Copy link